FANDOM


A arte visigótica

A arte paleocristã do séc. V e VI em Portugal coincidiu com o reinado suevo e com o tempo de expansão do monaquismo. Desenvolveu-se uma arte cristã com influências das relações entre a península Ibérica, o Norte de África, Bizâncio, Itália e a Gália.


Na arquitectura e decoração

Chegaram-nos diversos testemunhos de edifícios religiosos, igrejas de organização basilical em cruz latina e três naves, arcadas em ferradura e construção rústica com aproveitamento de materiais romanos. Para além da introdução do arco em ferradura (antecipando o arco árabe) são características as decorações em baixos-relevos talhados a bisel, com motivos geométricos, vegetalistas e animalistas dos frisos, nichos, ábacos e fustes.


A arte islâmica

Itin mertola.jpg

Mesquita de Mértola

A ocupação muçulmana em 711 influenciou a produção artística e arquitectónica a sul de Portugal, a norte notaram-se algumas influências a que se chamou a “arte moçárabe”.


Arquitectura

Os edifícios árabes sofreram alterações após a Reconquista, como e o caso da Mesquita de Mértola. O mirab, o mimbar, o muro da qibla apoiado em grandes contrafortes e a planta de cinco naves perpendiculares à qibla, são alguns dos elementos que não sofreram alterações com a intervenção cristã. Os materiais de construção utilizados provêem do reaproveitamento de edifícios romanos, visigodos ou árabes, entretanto destruídos.


Escultura

A escultura ornamental teve grande expressão no tratamento de capitéis, impostas, ajimezes e modilhões, caracterizando-se pela utilização de elementos vegetais, geométricos e abstractos, com grande riqueza plástica e decorativa.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória